EDP Vilar de Mouros vai apresentar dois palcos na edição de 2019

A edição do festival de Vilar de Mouros, o mais antigo em Portugal, que vai decorrer, de 22 a 24 de agosto, na pitoresca aldeia do concelho de Caminha, vai ter na edição deste ano, dois palcos.

A revelação foi feita pelo presidente da Câmara de Caminha, Miguel Alves, durante uma reunião camarária descentralizada, realizada naquela freguesia do Alto Minho.

Durante a sessão, que decorreu na quarta-feira, o autarca socialista revelou “alguns indicadores que atestam a notoriedade que o evento atingiu”.

Como exemplo, Miguel Alves apontou “os mais de 100 órgãos de comunicação social que acompanharam a edição 2018, com mais de 150 jornalistas e quase mil notícias produzidas”.

O autarca referiu que, “em relação ao tempo que o festival ocupou nas transmissões em direto nas televisões, a organização contabilizou 14 horas, o que equivale a um investimento que, se tivesse de ser pago, significaria cerca de 10 milhões de euros”.

Prophets of Rage, Skunk Anansie, Linda Martini e Fischer-Z foram os primeiros nomes confirmados pela organização do Festival, que já tem à venda na Ticketline passes para os três dias no valor de 70 euros.

Leave a Comment