Viana do Castelo vai ter mausoléu para homenagear artistas e homens de letras

A Câmara de Viana do Castelo aprovou hoje, por unanimidade, em reunião ordinária do executivo, a criação de um mausoléu para “homenagear e preservar a memória de artistas e homens de letras do concelho ou que tenham notabilizado a capital do Alto Minho.

A proposta, apresentada pelo presidente da Câmara, pretende ainda “valorizar e preservar, para memória futura, os nomes da literatura e da arte de Viana do Castelo”.

De acordo com a proposta apresentada pelo autarca socialista José Maria Costa, o mausoléu “será instalado num dos vários monumentos tumulares (jazigos capela e jazigos carneiro) que reverteram a favor do município e com grande valor arquitetónico e histórico”.

O mausoléu “ficará instalado, de acordo com o livro “O Cemitério de Viana do Castelo”, da autoria de Francisco Queiroz, num jazigo dedicado a Belchior Soares da Silva e sua mulher, Ângela Custódia do Espírito Santo”.

O monumento, “um dos mais monumentais mausoléus do cemitério municipal, é todo de pedra lioz e de gosto clássico”.

Na reunião desta quinta-feira, o executivo municipal aprovou ainda votos de pesar pela morte da mãe do ex-vereador do PSD, António Carvalho Martins e do presidente do Moto Clube Foz do Lima, Avelino Santos.

Notícias relacionadas

One Thought to “Viana do Castelo vai ter mausoléu para homenagear artistas e homens de letras”

  1. José Migueis Cachadinha

    Acho muito bem! Depois que não se faça como no “Panteâo Nacional, que vão para lá “os dos copos” Ou então haver se fica num local recatado onde “Os mortos da vida” tenham “PAZ”, não fazer como numa freguesia deste Concelho que o Cemitério “passou” de local recatado a “uma sala de festas”

Leave a Comment