“Comédias do Minho” apresentam um teatro de sombras esta semana em Melgaço

As Comédias do Minho apresentam o espetáculo “No Risco da Sombra em 365 Dias”, um teatro de sombras, que será representado pela companhia minhota e a Rede de Colaboradores Locais, durante esta semana na Casa da Cultura de Melgaço. Criado pela companhia lisboeta “A TARUMBA – Teatro de Marionetas”, este espetáculo será principalmente representado a alunos do ensino pré-escolar, em sessões durante esta semana, às 10 e às 14 horas. Para o público geral, a sessão será no sábado, 24 de fevereiro, às 15 horas.

À conversa com a GEICE, Alice Silva, responsável pelo projeto pedagógico das Comédias do Minho, explicou que este espetáculo “aborda, no fundo, a passagem do tempo: as transformações que o tempo provoca, na paisagem e em nós, ao longo dos 365 dias” do ano. Este teatro de sombras “capta um bocadinho daquilo que são as estações do ano, através de imagens, de música” e “provoca sensações, alegrias, comentários”. “É um espetáculo que tem cativado a atenção do público”, precisou Alice Silva.

A coordenadora revelou que a Rede de Colaboradores Locais, que acompanha e participa nesta produção, é “composta por cerca de 14 pessoas que trabalham nos serviços culturais das Câmaras Municipais com quem as Comédias do Minho trabalham”. Estas pessoas “recebem formação artística de forma cíclica, todos os anos”, detalhou Alice Silva. Desta vez, a formação foi dada pelos criadores do espetáculo, Luís Vieira e Rute Ribeiro, que ensinaram os membros da rede sobre “as especificidades do teatro de sombras”. A formação durou 13 dias, e o resultado é a representação do espetáculo “No Risco da Sombra em 365 dias” feita por este grupo.

As Comédias do Minho nasceram em 2003 de uma colaboração entre os municípios de Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Valença e Vila Nova da Cerveira, com o objetivo a criar uma companhia de teatro profissional.

Leave a Comment